BC.GAMEReivindique 5BTC Agora

  • Rainbet

Cingapura e Gigantes Financeiros Revelam Inovação Cross-Chain em Criptomoedas

Tomada Rápida
  • Cingapura lidera inovação em interoperabilidade de ativos digitais.
  • INM propõe estrutura para transações eficientes entre redes de criptomoedas.
  • Projeto Guardian da MAS explora diversas aplicações de ativos tokenizados.
Cingapura e Gigantes Financeiros Revelam Inovação Cross-Chain em Criptomoedas
BC.GAMEBCGAME - O melhor cassino, bônus diário grátis de 5BTC!BC.GAME Bônus diário grátis de 5BTC !
Cadastre-se agora

A Autoridade Monetária de Cingapura (MAS) lançou um white paper revolucionário, intitulado “Redes Interligadas”, focado na interoperabilidade para ativos digitais. Esta publicação foi desenvolvida em colaboração com gigantes do setor financeiro e da tecnologia blockchain, incluindo a unidade Onyx do JPMorgan, HSBC, Standard Chartered, Swift, Chainlink, LayerZero e Laboratórios Ava.

O documento aborda a necessidade crítica de interoperabilidade no crescente mundo dos ativos tokenizados e mercados digitais. Ele sublinha: “Para garantir que a proliferação de ativos tokenizados e locais de mercado não ocorra às custas da liquidez, é necessário que haja interoperabilidade entre redes financeiras e que os ativos digitais sejam trocados sem problemas”. Esta declaração ressalta a importância de uma integração fluida entre diferentes plataformas digitais para manter a eficiência do mercado.

O principal destaque do white paper é a proposta do Modelo de Rede Interligada (INM), que visa fornecer uma estrutura para a troca eficiente de ativos digitais entre redes independentes. Essa inovação permitiria que instituições financeiras conduzissem transações sem a restrição de operar na mesma rede, promovendo uma maior fluidez nas trocas de ativos digitais.

Leia também:   Volumes de comércio de tokens IA atingem máximo histórico

Além disso, o INM procura abordar a questão da fragmentação, um desafio significativo conforme as instituições financeiras desenvolvem suas próprias plataformas e ecossistemas de ativos digitais. Conectando estas diversas redes, o INM tem o potencial de prevenir a fragmentação da liquidez e promover um ecossistema de ativos digitais mais coeso e eficiente.

O white paper detalha também métodos potenciais para conectar redes independentes, facilitando a comunicação e transferência de ativos entre elas. Este esforço abrange considerações críticas de design, incluindo governança, segurança, escalabilidade e outros elementos essenciais para o sucesso da interoperabilidade.

O lançamento do INM faz parte de uma série de cinco novos projetos piloto anunciados pelo MAS sob a iniciativa Project Guardian, que explora a tokenização de ativos. Estes projetos piloto cobrem uma variedade de áreas, como comércio digital bilateral, soluções de tesouraria, pagamentos transfronteiriços, fundos tokenizados e manutenção de ativos, com a participação de importantes parceiros como Fidelity, Citi, Ant Group, BNY Mellon, Franklin Templeton, JPMorgan e Apollo.

Isenção de responsabilidade: As visões e opiniões expressas pelo autor, ou qualquer pessoa mencionada neste artigo, são apenas para fins informativos e não constituem aconselhamento financeiro, de investimento ou outros. Investir ou negociar criptomoedas traz um risco de perda financeira.
Total
0
Shares

Artigos relacionados