BC.GAMEReivindique 5BTC Agora

BlackRock Brasil Prepara Lançamento de ETF iShares Bitcoin

Tomada Rápida
  • BlackRock lança ETF Bitcoin inovador no Brasil.
  • IBIT39 oferece acesso regulado ao Bitcoin para investidores.
  • Expansão futura para varejo depende de aprovação regulatória.
CEO da BlackRock vê Futuro Brilhante para as Criptomoedas
BC.GAMEBCGAME - O melhor cassino, bônus diário grátis de 5BTC!BC.GAME Bônus diário grátis de 5BTC !
Cadastre-se agora

Em uma movimentação marcante para o mercado de criptomoedas brasileiro, a BlackRock, reconhecida mundialmente por ser a maior gestora de ativos, anunciou a introdução de seu Brazilian Depositary Receipt (BDR) iShares Bitcoin ETF. Este evento, programado para começar em 1º de março, promete revolucionar a forma como os investidores brasileiros interagem com o Bitcoin, proporcionando-lhes uma rota regulamentada para incorporar essa criptomoeda em seus portfólios.

Durante um evento na sede da BlackRock em São Paulo, Karina Saade, que lidera a BlackRock Brasil, destacou a importância deste lançamento, enfatizando o papel dos Exchange Traded Funds (ETFs) na democratização do acesso ao Bitcoin. O iShares Bitcoin Trust ETF BDR, batizado de IBIT39, não apenas oferece uma nova opção de investimento, mas também sinaliza uma era de inovação nos ETFs, facilitando a inclusão de Bitcoin como um ativo regulamentado nas carteiras de investimento dos brasileiros.

O IBIT39 é uma oportunidade inédita para investidores que desejam diversificar suas carteiras com Bitcoin, replicando o sucesso de seu equivalente norte-americano lançado em janeiro pela BlackRock. Com uma taxa administrativa competitiva de 0,25% e uma política de isenção de taxas para os primeiros US$ 5 bilhões sob gestão, o produto se alinha com as expectativas de investidores exigentes. Inicialmente, o acesso ao ETF será exclusivo para investidores com pelo menos 1 milhão de reais em investimentos, com planos futuros de expandir para o varejo, sujeitos à aprovação regulatória.

Leia também:   UFC e VeChain Revelam Parceria para Tokenização de Luvas com Tecnologia NFC

A adição do IBIT39 à B3, onde já existem 13 ETFs com foco em criptomoedas, amplia as opções para os investidores brasileiros, consolidando a posição do país como um mercado inovador para investimentos em criptoativos. O sucesso anterior do ETF à vista da BlackRock nos Estados Unidos, que viu um crescimento explosivo de ativos sob gestão, reflete a confiança e o interesse crescente dos investidores em criptomoedas.

Este lançamento não apenas reforça o compromisso da BlackRock com a inovação no setor de criptomoedas, mas também abre caminho para futuras ofertas, como um potencial ETF Ethereum à vista, sujeito à aprovação regulatória. A iniciativa da BlackRock de introduzir produtos de criptomoedas regulamentados no Brasil é um marco para o mercado, prometendo novas oportunidades de investimento e reforçando a confiança no setor de criptoativos.

Isenção de responsabilidade: As visões e opiniões expressas pelo autor, ou qualquer pessoa mencionada neste artigo, são apenas para fins informativos e não constituem aconselhamento financeiro, de investimento ou outros. Investir ou negociar criptomoedas traz um risco de perda financeira.
Total
0
Shares

Artigos relacionados